Home » Anúncios no LinkedIn usam dados de buscas do Bing em segmentação por interesses

Anúncios no LinkedIn usam dados de buscas do Bing em segmentação por interesses

Com mais de 600 milhões de usuários, o LinkedIn oferece muitas oportunidades para anunciantes que desejam colocar suas marcas diante de públicos B2B. A empresa recentemente se concentrou em reformular o seu Gerenciador de Campanhas (plataforma de criação de anúncios), que agora é orientado em torno do objetivo da campanha.

A rede social, que foi adquirida pela Microsoft em 2016 por US$ 26.2 bilhões, está expandindo ainda mais suas opções de segmentação por interesse utilizando dados do Bing (que também pertence à Microsoft). Anunciantes do LinkedIn podem alcançar públicos que já tenham visto conteúdo relacionado a negócios em buscas feitas no Bing.

Mais possibilidades de segmentação para anunciar no LinkedIn

Primeiro, o Bing começou a incorporar os dados de segmentação de anúncios do LinkedIn. E agora o LinkedIn está usando dados de buscas do Bing pela primeira vez desde a aquisição da rede social pela Microsoft (em junho de 2016).

Os anunciantes tem a possibilidade de impactar usuários do LinkedIn com base em tópicos profissionais e também com base em conteúdos com os quais já tenham engajado previamente no Bing, além dos interesses profissionais que colocaram em seus perfis LinkedIn.

A rede social lançou a segmentação por interesse profissional em janeiro de 2019, opção que permite a anunciantes segmentar usuários de acordo com os interesses profissionais indicados em suas contas. Foram lançados mais de 200 tópicos, tais como Inteligência Artificial (IA), Experiência do Cliente e Economia Global. A segmentação por interesse pode ser usada junto com a segmentação por tipo de conta.

O LinkedIn também adicionou a opção de públicos semelhantes. Essa nova (e grande) possibilidade vai ajudar anunciantes a expandir suas segmentações e alcançar ainda mais usuários com características semelhantes às dos seus clientes já existentes.

Opção de públicos semelhantes em campanhas do LinkedIn

Novos modelos (templates) de públicos-alvo para campanhas também foram lançados. Criados para anunciantes do LinkedIn iniciantes, esses modelos oferecem uma seleção de mais de 20 públicos B2B, todos pré-definidos através de características como habilidades, nome do cargo e grupos de interesse. Os templates podem ser ativados com um único clique, diminuindo muito o tempo necessário para configurar uma campanha.

Entrando na opção “Interesses”, aparecem duas opções:

Modelos pré-definidos de públicos no LinkedIn

Entrando na opção “Interesses do usuário” na tela acima, aparecem os modelos de públicos pré-definidos:

Modelos pré-definidos de públicos por interesse no LinkedIn

Com todas essas novas funcionalidades, o LinkedIn ganha muita força como possibilidade de ser usado como mais um grande canal de marketing para anunciantes.

error: Conteúdo protegido!